Respeita as Mina

Respeita as Mina

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Fórum de Agricultura Familiar de Valença é apontado como instrumento de desenvolvimento do setor agrícola‏

A realização do último Fórum de Agricultura Familiar de 2013 do Governo de Valença, nesta segunda-feira (25), no auditório da CDL/ACE, serviu para avaliar o desempenho da Secretaria Municipal da Agricultura e, ao mesmo tempo, estabelecer novas propostas para a continuidade dos avanços previstos para o próximo ano nos diversos programas estabelecidos no cronograma de ações do município para o setor.

O vice-prefeito e secretário da Agricultura, Joailton de Jesus, fez a apresentação de um slide que resumiu as atividades implementadas durante este ano. Partindo de aspectos de assistência técnica e extensão rural, onde a secretaria disponibilizou o Balcão de Atendimento ao produtor rural, Joailton falou das ações permitindo a viabilidade de projetos, além de atividades como cursos de criação de galinha caipira, horticultura orgânica, compostagem, associativismo e cooperativismo, fruticultura, apicultura e meliponicultura, produção de doces, biscoitos e outros, coleta e análise de solo, e curso de biogel.

As instituições financeiras, como o Banco do Nordeste e Banco do Brasil, participaram dos fóruns orientando o produtor quanto a oferta de crédito.

Para Joailton de Jesus, a realização dos fóruns serviu para fortalecer a relação governo/agricultor e, ao mesmo tempo, uma rica troca de experiência com um ano de intenso aprendizado. A parceria com entidades que oferecem suporte técnico como a Ceplac, EBDA, Ifba, IF Baiano e outros, serviram para identificar as carências do produtor rural e estabelecer um padrão de assistência técnica capaz de aumentar a produção rural.

Ainda de acordo com o vice-prefeito, o drama do produtor rural está diretamente ligado a comercialização e valorização do seu produto. Com a parceria governo de Valença, as instituições técnicas e as cooperativas, com destaque para a Coofava, uma nova ordem está sendo estabelecida. O preço pago aos produtos tradicionais da região como cravo, cacau, dendê e guaraná, tem se estabilizado e proporcionado valorização e lucro significativos ao produtor. A implementação de forma profissional do PNAE e PAA, inclusive, está servindo de modelo para outros municípios.

A presença maciça de agricultores em todos os fóruns realizados atesta a importância e a seriedade do projeto. Joailton destaca como de fundamental importância o resgate da credibilidade do governo junto às pessoas que vivem no campo.

Estiveram presentes os vereadores Reginaldo Araújo, Antônio Barreto, Agostinho Junior, Bertolino de Jesus e Manoel Valter.
(Ascom - Governo de Valença)

Nenhum comentário:

Postar um comentário