Respeita as Mina

Respeita as Mina

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

REPRESENTANTES do Baixo Sul participam da Conferência Nacional de Economia Solidária‏...

Representantes do Baixo Sul na III Conferência Nacional de Economia Solidária
Entre os dias 26 a 30 de Novembro de 2014 aconteceu em Brasília a III Conferência Nacional de Economia Solidária, que teve como tema: Construindo um Plano Nacional da Economia Solidária para promover o direito de produzir e viver de forma associativa e sustentável. Fizeram-se presentes na abertura oficial do evento a Presidente da República Dilma Rouseff e o Secretário Nacional da Economia Solidária, Paul Singer.

A Conferência reuniu 1200 delegados dos 27 estados brasileiros, dentre eles fizeram-se presentes os delegados do Território Baixo Sul, Maria Joselita Santos da Costa, representante do poder executivo de Valença, Seonária Costa Santana e Wellington Amparo Oliveira, representantes do segmento de empreendedores, e João Nildo de Souza Carvalho, representante do Instituto Direito e Cidadania, estes foram eleitos pela Plenária Territorial, realizada em Março de 2014, e Estadual, realizada em Junho de 2014. Objetivos do encontro: realizar um balanço sobre os avanços, limites e desafios da Economia Solidária, promover o debate sobre o processo de integração das ações de apoio a economia solidária, elaborar planos municipais, territoriais e estaduais de economia solidaria e elaborar um Plano Nacional de Economia Solidária contendo a visão de futuro, diagnósticos e eixos estratégicos.

Os trabalhos foram divididos em Eixos Temáticos de Produção, comercialização e consumo sustentável; Financiamento: crédito e finanças solidárias; Conhecimentos: Educação, Formação e assessoramento; Ambiente institucional; Legislação e integração de Politicas Públicas.

A delegação da Bahia, com destaque para o Território Baixo Sul, participou de 3 dos 4 eixos temáticos, contribuindo com ações que vão contribuir com desenvolvimento sócio-econômico dos agricultores familiares, pescadores artesanais, artesões, catadores, quilombolas e povos de terreiro.
(Por Wellington Assumpção - Ascom/Sempros)

Nenhum comentário:

Postar um comentário