+ DE 20 obras

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Taperoá celebrou a CULTURA durante a III Conferência Municipal

Comissão Organizadora da II Conferência Municipal da Cultura Taperoense 
Taperoá realizou sua III Conferência Municipal de Cultura no dia 12 de julho. Muitos secretários municipais, vereadores, estudantes, conselheiros, representantes de diversos grupos culturais, da AMUBS, do Pro Jovem marcaram presença. Secretários e diretores de cultura dos municípios Ituberá, Camamu, Nilo Peçanha e Jaguaripe também prestigiaram o evento. O tema abordado foi “Uma Política de Estado para a Cultura: Desafios do Sistema Municipal de Cultura”.
A Conferência reuniu cerca de 150 pessoas. Contou com a irreverência do Palhaço Ternurinha, como mestre de cerimônia. Durante a abertura todos cantaram o Hino Nacional e logo depois a Banda Afro Mama África fez uma bela apresentação. Foram convidados para compor a mesa o Diretor de Cultura André Agostinho Souza (Mestre Deco), a Secretária Municipal da Educação Teresinha Reis, a Secretária Municipal da Ação Social Christianne Guimarães e Vanessa Andrade, representante territorial da cultura. O Diretor Deco e a assessora técnica Joélia Sacramento coordenaram as apresentações sobre a cultura do município e a importância da implementação do Sistema Municipal de Cultura. “Fico feliz pela importância que a cultura tem ganhado. Fazer cultura sem dinheiro é difícil, por isso as parcerias se tornam essenciais. Queremos a participação popular. Queremos a colaboração de todos na construção de um Plano de Cultura forte”, ressaltou a Secretária da Educação Teresinha. 

Os participantes fizeram uma grande roda para discutirem os eixos temáticos e aprovaram diversas propostas em plenária. Destaque para: Alteração da Lei para Secretaria de Cultura independente; alteração total da Lei do Conselho Municipal de Cultura; criação de minuta da Lei do Fundo, através de Audiência Pública e articulações do Conselho e sociedade civil; calendário para reuniões de elaboração do Plano Municipal de Cultura; revisão da Lei do Tombamento, em parceria com a comissão da Conferência das Cidades, focando a definição da Praça da Bandeira como centro histórico da cidade com seus casarios, inclusive restauração do obelisco; criação de uma coordenação técnica e jurídica para prestar assessoria as associações, entidades e grupos culturais, além de qualificação em elaboração de projetos, empreendedorismo e associativismo; oficinas de revitalização e renovação das manifestações culturais, tais como: Chegança, Zambiapunga, Dondoca, Dondoco, entre outras; implantação do Momento Cultural nas escolas com a apresentação dos referidos grupos; criação do Centro de Tradições Taperoenses, o qual deverá abraçar toda a cultura do município, incluindo o registro dos mestres dos saberes e fazeres, servindo como espaço para atividades diversas (Semana Municipal de Cultura), objetivando também a geração de renda. 

Na oportunidade foi formado um grupo de trabalho para a execução e o acompanhamento do Pla­no de Ações Estratégicas para a cultura no município. Também foram eleitos como delegados territoriais representando a sociedade civil: Rodrigo Rodrigues, Cirilo dos Santos, Carlos André Silva, Wellington Oliveira, Antônio Carlos dos Santos. O Mestre Deco e Florice Barreto serão os delegados representantes do poder público. Cirilo dos Santos foi eleito delegado estadual. O encerramento aconteceu por volta das 18 horas, com uma bela celebração cultural, com apresentações de dança, Zambiapunga, Boneca Lili, entre outros. “Agradeço a participação de todos. Vamos buscar parceiros para colocar em prática as ações que tanto almejamos”, finalizou Christianne Guimarães, Secretária da Ação Social. 
(Vanessa Andrade)

Nenhum comentário:

Postar um comentário