Proteja-se...

Proteja-se...
Tanto a Covid como a Dengue matam!

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

GRACIOSA MAIS GRACIOSA!

Antônio Isaías do Rosário Ribeiro
Secretário da Cultura do Município de Cairu


Um entendimento entre os municípios de Cairu e Taperoá está requalificando o terminal aquaviário da Graciosa com a restauração do cais e dos espaços de estacionamento, dotando-o de boas condições operacionais. Taperoá investe na infraestrutura em terra, Cairu investe na parte sobre as águas, implanta um flutuante, tornando mais fácil e mais rápido o acesso às ilhas deste município-arquipélago. Ora, “acessibilidades e transportes são segmentos com crescimento anual puxado por procura cada vez maior de turistas e visitantes, bem como por demanda de novos e mais sofisticados meios de transportes”, diz o prefeito Hildécio, de Cairu.

De fato, o turista não quer mais uma viagem de três horas entre Valença e Boipeba. Ele quer uma lancha rápida que faz o mesmo percurso em quarenta e cinco minutos ou meia hora, a partir da Graciosa ou Cairu. “Foi acreditando no potencial de facilitação logística da Graciosa para o meu município, que fiz incluir no PAC Cidades Históricas uma ação, com o objetivo de maximizar esse potencial e ao mesmo tempo fomentar atividades tradicionais aqui da região e não somente do meu município” acrescenta o prefeito. A ação foi aprovada, faltam os recursos do PAC. Atividades como a construção naval artesanal, que no passado já foram pilares da economia local, seguirão tendo espaço significativo à medida que o país segue crescendo e aumentando a demanda turística.

Os investimentos realizados atestam o acerto da política de infraestruturação básica associada à capacitação de pessoas, concorrem para o aumento da movimentação do porto da Graciosa, bem como para a melhora acentuada da qualidade da frota de lanchinhas rápidas que fazem esse trajeto. Vários negócios resultaram desse aumento da movimentação do porto da Graciosa. Não são apenas mais e melhores embarcações. São também maior número de veículos terrestres (vans que precisam melhorar muito) fazendo a linha Graciosa-Valença ou Graciosa-Taperoá; são os pequenos negócios como bares, restaurantes, mascates, vendedores ambulantes.

Redimensionar essa importante base de apoio náutico da Graciosa, em Taperoá, como equipamento de qualificação do turismo ensejando o posicionamento do porto, é investimento que qualifica a recepção dos roteiros turísticos rodoviários destinados às ilhas deste município-arquipélago e rotina que articula a Rodovia BA 001 a Cairu, Boipeba e Garapuá, até Morro de São Paulo, através da contracosta e independente das marés.

A beleza acaricia o olhar, diz o filósofo. A nova imagem da Graciosa confirma o filósofo! Graciosa está mais Graciosa!

Cairu, Nov/2011

Um comentário:

  1. Aplausos para a chegada do píer. Mas minha gente, manda um recado aí pro Toinho do Banco: Alôôô, queremos as belas árvores de volta.

    ResponderExcluir

Respeita as Mina