Respeita as Mina

Respeita as Mina

sexta-feira, 3 de março de 2017

Secretaria Estadual da Educação abre novo processo seletivo para professores...

Governo do Estado abriu inscrições para novo "Reda" na Educação
A Secretaria da Educação do Estado lançou editais para o Processo Seletivo Simplificado, visando a contratação por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (REDA), para 2.483 professores da Educação Básica, Educação Básica no Campo e mais 215 vagas para professor Indígena. O processo seletivo também envolve 961 vagas para a função de técnico de nível médio/mediador para o Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (EMITEC). As inscrições vão até 13 de março, exclusivamente via Internet, no endereço eletrônico www.ibrae.com.br. Mais informações estão disponíveis no Portal da Educação.

A seleção acontecerá em uma única etapa, com a prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, aplicada para as funções de professor da Educação Básica, Básica no Campo e Professor Indígena para a Educação Indígena. A abrangência da seleção englobará 415 municípios componentes dos Núcleos Territorias de Educação (NTE). A aplicação da prova objetiva acontecerá em Salvador, Alagoinhas, Amargosa, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Caetité, Eunápolis, Feira de Santana, Ipirá, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Itapetinga, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Macaúbas, Paulo Afonso, Ribeira do Pombal, Santa Maria da Vitoria, Santo Antônio de Jesus, Seabra, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valença e Vitoria da Conquista.

No caso do técnico de nível médio/mediador para o EMITEC, a seleção englobará 109 municípios e as provas serão aplicadas em Salvador e Alagoinhas, Amargosa, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Caetité, Eunápolis, Feira de Santana, Ibotirama, Ilhéus, Ipirá, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Itapetinga, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Macaúbas, Paulo Afonso, Porto Seguro, Ribeira do Pombal, Santa Maria da Vitoria, Santo Antônio de Jesus, Seabra, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valença e Vitoria da Conquista.


(Ascom/Educação)

Nenhum comentário:

Postar um comentário