Respeita as Mina

Respeita as Mina

terça-feira, 20 de agosto de 2013

FORÇA NACIONAL permanece em Buerarema até 27 de agosto

O governador baiano pediu ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, a presença da Força Nacional e reforço de efetivo da Polícia Federal.

Segundo o Governo da Bahia, com o acirramento dos ânimos e o crescente risco de novos confrontos, o reforço federal seria necessário, já que as policias estaduais não têm autoridade legal para atuar em conflitos indígenas. Mesmo com a chegada das tropas federais, o efetivo da Polícia Militar foi reforçado.
O prazo marcado para 27 de agosto, no entanto, da tropa no município pode ser prorrogado. A Força Nacional já atuou na região entre abril de 2012 e maio de 2013.

A ocupação de fazendas foi à forma que os índios encontraram para pressionar o governo federal a acelerar a conclusão da demarcação de uma reserva indígena de 47 mil hectares. A área abrange parte dos municípios de Buerarema, Ilhéus e Una.

Embora já viessem ocorrendo desde o início do ano, as ocupações indígenas se intensificaram ao longo das últimas semanas, provocando a reação não só dos donos das fazendas ocupadas, mas de outros segmentos que se sentem afetados pela reivindicação dos índios.

De acordo com o jornalista Davidson Samuel, que mora em Itabuna, a 16 quilômetros de Buerarema, e trabalha em toda a região, as autoridades precisam agir com urgência a fim de tentar pacificar os ânimos e evitar uma tragédia iminente.
(mercadodocacau.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário