+ DE 20 obras

segunda-feira, 21 de maio de 2012

VALENÇA – Vice-prefeito perde a paciência e ataca o prefeito

Vice-prefeito de Valença Mário César
A paciência do vice-prefeito do município de Valença, Mário César Cardoso dos Santos, acabou de vez. O mesmo chamou o atual prefeito Ramiro José Campelo de Queiroz de “safado e moleque”. Segundo o vice-prefeito, ele solicitou providências ao prefeito com relação a insegurança e o prefeito disse que “violência é normal”.

“Usei o meu status de vice-prefeito e cidadão que ama Valença e chamei o prefeito para falar da violência em nossa cidade e principalmente, nos últimos dias, em Cajaíba. Ele me disse que violência é normal. Toma vergonha na cara, seu moleque. Respeite o povo, seu safado! Se você não honra as pessoas que votaram na gente, eu, pelos menos, respeito eles. Seja homem uma vez na vida e tome providência para dar segurança ao povo. Se não tem competência ou coragem, me entregue o cargo, que eu lhe mostro como se respeita o povo, pois farei o máximo para dar segurança a eles”, desabafou Mário César.

O jovem político Mário César sempre foi um homem de coragem, sempre lutou pelos seus ideais e pelo desenvolvimento do município. E também sempre foi uma pessoa muito educada. Mas como tudo tem limite... Já há alguns dias que Mário vem atacando Ramiro, através do  FaceBook, com o intuito de ver uma cidade melhor. Em busca de uma reação do chefe do executivo, que atolou Valença na era do atraso. Quem assumir no lugar de Ramiro terá que começar do zero em quase todos os setores...

E Mário César dá continuidade às suas mensagens no FaceBook. CONFIRA: 

“Sr. Prefeito, uma vez na vida, tenha um pouco de vergonha na cara, e me diga por que existe uma parceria entre a Associação de Produtores Rurais, Prefeitura e Governo do Estado, através da EBDA, para o viveiro de mudas de Cajaíba, e as mudas são vendidas e não doadas ao agricultor!? Está errado, senhor prefeito! Essas mudas não podem ser comercializadas. Cadê o dinheiro arrecadado!!!? Isto vale também para a Associação de Produtores Rurais”. 

“Atitude de gestor tem que ser clara e limpa, assim como as contas e as licitações também. Por que em Valença as licitações do transporte e da limpeza pública foram vencidas pelas empresas “Servelimp” e “Rio Una” e quem controla as duas empresas é uma mesma pessoa!? O dinheiro não é nosso não, prefeito, e sim do povo!” 

“Só queria saber por que quando meu pai era prefeito e o orçamento era R$ 640 mil a zona rural tinha estrada e hoje com R$ 8 milhões mensais não tem? Vamos olhar para o povo prefeito, Jiquiriça, Orobó, Aroeira, Sarapuí, Novo Horizonte, Terra Preta, Três Jueirana, Campos das Cobras, Serra do Frio, Serra do Abiá são Valença também e nossa gente merece respeito”. 

“Me sinto bem em ver minha cidade asfaltada. Melhor de andar, sem buracos. Só não gostei foi que a prefeitura tinha o asfalto desde março do ano passado e o prefeito só botou na hora da eleição. Aí tá errado, prefeito!” 

Taí, o vice-prefeito de Valença, Mário César, por inteiro...!

4 comentários:

  1. É isso aí Marão!!! Que saudades Valença sente de seu pai "João Cardoso dos Santos" esperamos em você a continuidade do trabalho dele.

    ResponderExcluir
  2. E ele esse tempo esteve onde????? Faz-me rir Marinho...

    ResponderExcluir
  3. Porque o prefeito de valença não paga serviços extra aos pms que estao de folga para trabalhar e dar mais segurança a cidade e tranquilizar a população?

    ResponderExcluir
  4. QUE LINDO ESSE VICE-PREFEITO CARA DE PAU VIM DAR UM DE BOM MOÇO,QUE ELE NÃO É.AGORA QUE TÁ CHEGANDO NA RETA FINAL,ELE E SEUS FAMILIARES MAMARAM BEM NOS COFRES DA PREFEITURA DE VALENÇA,AGORA VEM PRA CÁ COM HISTORIAS DAS SAFADEZAS DELE E DE RAMIRO,TUDO FARINHA DO MESMO SACO

    ResponderExcluir