Respeita as Mina

Respeita as Mina

quinta-feira, 19 de junho de 2014

MEC pune cinco faculdades baianas com nota insuficiente...

O Ministério da Educação (MEC) abriu processo administrativo contra 79 faculdades que tiveram resultado insuficiente no Índice Geral de Curso (IGC). A lista de instituições foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (18). 

De acordo com portaria, na Bahia foram punidas as seguintes faculdades: Católica de Ciências Econômicas da Bahia (Facceba), do Sul da Bahia (Fasb), do Descobrimento (Facdesco), São Camilo e o Instituto de Educação Superior Unyana. 

Além delas, outras 74 instituições de ensino superior do país tiveram processos administrativos abertos. Conforme consta no documento assinada pelo secretário de regulação e supervisão da educação superior, Jorge Rodrigo Araújo Messias, a medida continuará valendo até que as instituições obtenham o conceito satisfatório no IGC.

As instituições punidas não poderão elaborar novos contratos por meio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), nem participar de processo seletivo para oferta de bolsas do Programa Universidade para Todos (Prouni) ou do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). 

As faculdades têm 15 dias para apresentação de defesa — contando a partir da publicação da portaria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário