+ DE 20 obras

sábado, 16 de março de 2013

CALIDOSTÓPIA! álbum resultante do projeto Música em Trânsito, está disponível para download



Produzido pelo alemão Markus Popp, disco foi feito em processo de criação colaborativa com sete cantores da América do Sul, incluindo as baianas Aiace e Emilia Suto

Dezesseis faixas inéditas compõem o álbum CALIDOSTÓPIA, uma criação colaborativa entre o músico e produtor alemão Markus Popp/Oval, visionário da música eletrônica, com sete cantores da América do Sul, incluindo as baianas Aiace e Emilia Suto.

A gravação do CD é resultado do projeto Música em Trânsito, realizado pela Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) e os Institutos Goethe de Salvador, São Paulo, Bogotá, Caracas, Córdoba e Montevidéu, que promoveu, na capital baiana, o encontro destes artistas. Além de sua versão física, o disco está disponível para download gratuito no site da FUNCEB: www.fundacaocultural.ba.gov.br.

O Música em Trânsito se propõe a investir no compartilhamento de expressões diversas da música contemporânea como um meio eficaz para a qualificação de profissionais e suas obras, bem como para o fortalecimento de sua presença nos mercados brasileiro e internacional, difundindo a música produzida na Bahia mundialmente também através dos desdobramentos possibilitados pela iniciativa. As duas cantoras baianas participantes foram selecionadas através de uma Chamada Pública, voltada especialmente a artistas dos gêneros lírico, jazz ou popular-tradicional, que contabilizou 43 cantores da Bahia inscritos. A avaliação dos candidatos foi feita por uma curadoria especializada, que levou em conta a experiência artística dos profissionais em canto.

Vindos de outras origens da América do Sul, o coletivo foi completado por Dandara (São Paulo), Agustín Albrieu (Argentina), Andrés Gualdrón (Colômbia), Maité Gadea (Uruguai) e Hana Kobayashi (Venezuela).

Numa convivência no estúdio de gravação Casa das Máquinas, em Salvador, durante 10 dias em agosto do ano passado, o grupo de artistas trabalhou na produção deste CD. Segundo Markus Popp, “uma compreensão rápida, de entusiasmo sem limites, em três turnos diários”. Eles também fizeram um show de apresentação dos resultados, no dia 1º de setembro, em evento gratuito no Pelourinho, onde as músicas foram apresentadas ao vivo pela primeira – e por enquanto única – vez. Markus Popp ainda realizou um workshop aberto ao público.

A edição 2012 do Música em Trânsito deu continuidade ao projeto lançado pelo Goethe Institut Bahia, realizado em 2009 com apoio da FUNCEB, quando dois artistas alemães – Dirk Dresselhaus e Michael Beckett, do grupo berlinense Schneider TM – e cinco baianos, entre músicos, cantores e um DJ, produziram o CD promocional Sessões de Açúcar, e também fizeram show no Pelourinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário