+ DE 20 obras

segunda-feira, 4 de junho de 2012

ITUBERÁ - Assaltos aos bancos do Brasil e Bradesco assustam moradores do município

Jovem baleado pelos assaltantes morreu na noite de sexta-feira
no hospital de base de Itabuna


Cerca de 20 homens fortemente armados usando roupas do Exército e da Força de Elite da Polícia Militar da Bahia (CAERC) assaltaram na manhã da última sexta-feira, 1º de junho, as agências do Banco do Brasil e Bradesco, em Ituberá.

Os bandidos usaram quatro veículos, sendo que uma caminhonete S10 foi tomada de assalto na própria cidade. Na ação, um jovem morador, de 21 anos, foi baleado na boca com um tiro de arma calibre 38, sendo encaminhado para o Hospital de Ituberá e em seguida transferido para o Hospital de Base de Itabuna. O jovem acabou falecendo na noite do mesmo dia.

Mais quatro mulheres, em estado de choque, deram entrada no hospital de Ituberá. Os bandidos fugiram em direção ao município de Piraí do Norte, levando várias pessoas como reféns. A ação dos profissionais do crime durou apenas 10 minutos e destruiu parte das portas de vidro dos estabelecimentos bancários.

Segundo a polícia, os caras foram para a frente da delegacia, que fica perto das agências bancárias e mantiveram os agentes dentro da unidade policial, enquanto assaltavam os bancos. Os homens cortaram os sinais das linhas telefônicas de Ituberá, dificultando o contato com outros pelotões no pedido de auxílio na segurança. O detalhe é que os componentes do bando fizeram um grande cordão de isolamento humano em frente aos bancos e após os assaltos, levaram, como reféns, oito funcionários, que foram liberados logo depois, na estrada.

A população de Ituberá, como não poderia deixar de ser, está bastante assustada com esse tipo de ação, que em setembro do ano passado deixou os prédios da antiga Prefeitura e da delegacia metralhados, enquanto um policial foi amarrado e levado como refém.

Os valores levados dos bancos não foram informados. A polícia realiza diligências na região para localizar os homens que participaram do assalto, mas até agora ninguém foi preso. 
(Informações e fotos: Jornal Informe Ativo)

Um comentário:

  1. Só vão tomar uma providencia depois que morrer alguem importante ou algum policial.Esperemos o proximo assalto , que com certeza acontecerá e que Deus nos proteja, pois só temos a ele para recorrer!!!

    ResponderExcluir