COLHENDO SAÚDE

domingo, 19 de fevereiro de 2012

Pânico na TV estreia em março na BAND

A turma tooooooda foi pra BAND...
A Band confirmou na sexta-feira 17, véspera de Carnaval, a contratação do elenco completo do humorístico "Pânico na TV", que estava na "Rede TV!".

Emílio Surita, Bola, Sabrina Sato, Eduardo Sterblitch, Rodrigo Vesgo, Ceará e companhia são as novas estrelas da TV Band.

O detalhe é que o programa considerado por muitos como "concorrente" do Pânico, o CQC, também está na Band. E não vive uma de suas melhores fases, não. E agora, hein?    

Através de seu site oficial, a Band confirmou a contratação. O diretor-geral da Band, Diego Guebel, falou sobre o assunto. "Estamos felizes em receber em nossa grade um programa querido pelo público", declarou. Também no site da Band, Surita comemorou o desafio. "Estamos todos animados com os desafios que essa nova fase vai nos proporcionar", declarou Surita.

POR QUE!?
Mas por que o Pânico saiu da Rede TV!? Segundo informações do jornal "Folha de S.Paulo", a Rede TV! vinha atrasando o salário das estrelas do humorístico. Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, o Tutinha, mentor do Pânico, foi quem acertou os detalhes da transferência para a Band. O "Pânico na TV" estreou na Rede TV! em 2003 e representava a maior audiência da emissora, batendo em concorrentes como Fantástico, Domingão do Faustão e Gugu. E quando será a estreia do Pânico na Band? Já agora em março, segundo anunciou a Band.

Outro questionamento de fãs e críticos de TV é a relação Band e CQC. Considerado por alguns como "concorrentes" (Pânico versus CQC), os humorísticos agora estão na mesma casa. "É claro que o CQC é mais jornalístico. Mas as pautas de CQC e Pânico batem em muitos casos. Em fevereiro, por exemplo, CQC e Pânico devem cobrir o Oscar 2012. Certo? Vamos ver as piadas do Pânico no domingo, e depois assuntos semelhantes no CQC de segunda-feira?", questionou o crítico Celso Diaz.

Nas redes sociais, fãs de CQC e Pânico já se manifestam sobre o assunto. "Não vejo problema em ter CQC e Pânico na mesma emissora. Quando a TV Globo vai cobrir a Copa do Mundo, por exemplo, não leva repórteres do Globo Esporte, Jornal Nacional, SporTV e cada um faz a sua matéria? Com Pânico e CQC vai ser assim na Band. Sou fã dos dois e a Band está de parabéns", opinou o fã Eriberto Gouvea, através do Facebook. Já Jéssica Cardoso é contra. "Pânico é muito apelativo, com mulheres sem roupa dançando. E agora vai enfraquecer o ótimo CQC, que dá espaço para um jornalismo crítico, como 'Proteste Já', além de matérias políticas em Brasília", opinou a fã na rede social.

O colunista Maurício Stycer revelou a preocupação da produtora Eyeworks Cuatro Cabezas, onde estão os diretores do CQC. "A notícia do Pânico na Band causou espanto (aos diretores do CQC). Para além dos ciúmes, na visão de quem faz o programa, a chegada do humorístico comandado por Emilio Surita enfraquece a atração apresentada por Marcelo Tas", revelou o colunista. O popular Pânico na TV chega à marca dos 10 pontos no Ibope da Grande São Paulo. Já o CQC fica na casa dos 5, 6.

Aberta a crise no CQC 2012? "Crise, não. Mas sinal de alerta. O CQC perdeu Rafinha Bastos, que assinou com a Fox. Perdeu Danilo Gentili para o 'Agora É Tarde'. Ou seja, não vive um de seus melhores momentos. Mas a Band deve montar uma estratégia nova, afinal os dois atingem públicos diferentes. O Pânico é mais popular, já o CQC atinge as classes A e B. Marcelo Tas, Marco Luque e companhia devem quebrar a cabeça para apresentar algo novo", concluiu Celso Diaz.

Um comentário:

  1. Adorei a notícia. O pânico merece!
    Mais uma alegria na TV ABERTA!
    Parabéns BAND! Sucesso! Selmo Lima

    ResponderExcluir