+ DE 20 obras

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Ramiro bloqueia salário do Filho de Bang

Após saber que o pastor Romero esteve representando o PRB na grande reunião dos pré-candidatos a vereador, promovida pelo PMDB e partidos aliados, no último dia 15, o prefeito Ramiro simplesmente determinou o corte do salário do pastor, que é filho do secretário municipal Bang.

Este ato lamentável foi praticado em retaliação ao livre direito de escolha do jovem pastor.  

Romero encontra-se numa situação delicada. Afastado do trabalho, por causa de um acidente de moto, ele vinha recebendo o salário pela prefeitura, onde exerce cargo de confiança. Mas o certo seria receber sua remuneração pelo INSS... Entretanto, a prefeitura de Valença desconta a contribuição da previdência do empregado e não repassa para o INSS. Por isso Romero não está cadastrado no órgão, devido a apropriação indébita praticada pela prefeitura. Agora Romero está na rua da amargura.

Resta perguntar: Por que a prefeitura de Valença recolhe todos os meses a contribuição previdenciária do servidor e não repassa para o INSS? Isto é Crime! Mais um que é cometido por aquele que se acha acima de tudo e de todos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário